Cuidados e manutenção das correntes dos quadriciclos

 

Yamaha YFZ 450

Yamaha YFZ 450

A maioria dos quadriciclos 4×2 usam sistemas de acionamento por correntes para enviar força às rodas. Quando bem cuidado, o quadriciclo rodará macio. Mas se você ouvir a corrente travando ou sentir uma resistência que não é comum do seu veículo, pode ser que seja hora de fazer uma lubrificação ou até mesmo comprar uma corrente nova.

 

Passos para limpar suas correntes

  1. Use um suporte ou macaco para erguê-lo, de modo que os pneus traseiros fiquem suspensos.
  2. Com um pano ou camiseta velha, limpe todos os excessos de lama ou sujeira de toda a corrente. Certifique-se de não apertar o pano contra a corrente para não impregnar os elos com sujeira.
  3. Use um lubrificante específico para correntes de quadriciclos ou motocicletas e borrife-o abundantemente na corrente.
  4. Gire a roda dentada do quadriciclo para garantir que o lubrificante atingirá toda a corrente.
  5. Seque o excesso de lubrificante para manter sua área de trabalho limpa.

Quando estiver borrifando lubrificante na corrente de seu quadriciclo, é sempre importante se certificar de evitar qualquer contato com as peças do freio do veículo. Se você encharcar um disco de freio com lubrificante, terá uma péssima surpresa na próxima vez em que pisar no freio.

Dicas para correntes de motos e quadriciclos

NÃO use WD-40 ”Multiusos”

O WD-40 Multiusos não é um lubrificante. Repito: WD-40 Multiusos (o da embalagem azul) não é um lubrificante. Você provavelmente já viu alguém aplicando WD-40 em toda a corrente antes de dar uma volta, não seja esse cara. O WD de WD-40 significa water dissolvent – ou seja, ou seja, repelente de água, então serve para limpar um pouco de ferrugem ou tirar um chiclete do seu cabelo. Lubrificantes adequados podem ser encontrados na maioria das lojas de autopeças, ou com mais comodidade na LojadoQuadriciclo.com. Portanto sugiro um à seco da prórpia WD-40, específico para correntes chamado: WD-40® SECO SPECIALIST. É um excelente lubrificante para correntes e outras peças de atrito de metal com metal, ideal para Quadriciclos, pois esse lubrificante não atrai sujeira!

Como saber se você precisa de uma corrente nova

Há dezenas de histórias de terror sobre condutores que deveriam ter trocado suas correntes antes de encarar dunas de areia. Muitas vezes, a consequência de uma corrente quebrada é muito pior que o veículo apenas parar. Quando uma corrente arrebenta, a combinação da tensão da corrente com as RPMs altas é uma receita para o desastre. Às vezes, uma corrente velha pode arrebentar com força suficiente para quebrar o cárter do motor. Estes são alguns sinais que indicam que está na hora de trocar sua corrente.

  • Batidas da corrente: barulho da corrente batendo no protetor.
  • Corrente frouxa: você consegue sentir fisicamente partes “soltas” na corrente.
  • Ferrugem: se sua corrente está enferrujada, está na hora de comprar uma nova.
  • Corrente solta: se sua corrente está tensionada adequadamente, mas você consegue quase tirá-la da roda dentada, é hora de trocar.

Como em qualquer manutenção de quadriciclo, é bom consultar a sua bíblia (manual do proprietário) antes de realizar qualquer grande manutenção. Contudo, manter sua corrente em boas condições de rodagem é bastante simples para qualquer pessoa administrar.

Deixe uma resposta