X curiosidades sobre quadriciclo que você precisa conhecer

Se você é antenado no mundo dos veículos automotores, já deve ter visto um quadriciclo. Como o próprio termo revela, trata-se de um veículo com 4 rodas. Mas será que é isso mesmo? Pensando um pouco sobre esse veículo tão desejado, nós decidimos apresentar 4 curiosidades sobre quadriciclo. Acompanhe cada uma delas!

1. Quadriciclos são classificados como ATVs

A sigla inglesa ATV significa All-Terrain Vehicle se refere a qualquer veículo que utiliza conjuntos de pneus com baixa calibragem. Esse é o caso dos chamados quadriciclos.

A padronização mencionada é mantida pela ANSI (American National Standards Institute), uma empresa dos Estados Unidos destinada a esse fim.

Segundo a mesma ANSI, o quadriciclo foi projetado inicialmente para conter somente um assento. Contudo, o interesse dos consumidores em passear com alguém na garupa fez com que as montadoras adaptassem o veículo. Então, surgiram modelos que atendem ambos os públicos.

Mas nem sempre foi assim, conforme será explicado a seguir. Existem ainda outras curiosidades sobre quadriciclo a serem reveladas.

2. Os primeiros quadriciclos — os anfíbios

Como você viu, o quadriciclo não é simplesmente um veículo com 4 rodas. Na verdade, as primeiras versões apresentavam nada a menos do que 6 rodas.

Ao longo da década de 1960, esses veículos eram uma ótima solução para enfrentar determinados obstáculos. Desde aquela época, os quadriciclos já eram usados na travessia de superfícies tomadas por um lamaçal.

Naquele tempo, a quantidade de assentos era generosa. Além disso, não havia um guidão. Em vez disso, o piloto guiava o veículo por meio de um manche ou de um volante.

3. O domínio japonês

Embora tenha surgido nos Estados Unidos, o quadriciclo ganhou notoriedade mesmo com as montadoras japonesas. A principal delas é a Suzuki.

Já em 1985, a empresa japonesa exibia ao mundo um quadriciclo de alto desempenho. O modelo (LT250R QuadRacer) não existe mais, mas mesmo assim, vale a pena mencionar os seus incríveis diferenciais:

  • Motor com 2 cilindros;
  • Sistema de refrigeração á água;
  • Suspensão aprimorada e resistente.
  • Câmbios de 5 e 6 marchas;

Como você pode perceber, o modelo foi desenvolvido para as competições. Depois desse grande lançamento da Suzuki, o que se viu foi o início de uma disputa entre as principais montadoras japonesas.

Na sequência, vieram modelos de quadriciclos da Honda, da Yamaha, e da Kawasaki. Particularmente com relação ao Banshee 350 (1987), o quadriciclo da Yamaha conquistou a preferência de muita gente que gostava de pilotar nas dunas.

4. Diferentes modelos de quadriciclo da atualidade

Após tantas décadas de desenvolvimento e aperfeiçoamento, a indústria de quadriciclo apresenta o veículo em 3 segmentos:

  • Quadriciclos utilitários — esses modelos são mais básicos. Normalmente, eles podem ser usados como veículos de transporte em áreas internas de fábricas ou fazendas, por exemplo. Além disso, eles vêm com engate destinado à realização de reboques.
  • Quadriciclos esportivos — essas versões já são voltadas a quem quer percorrer trilhas. Os motores exibem uma potência maior em relação aos demais modelos. Esses quadriciclos também absorvem grandes impactos, frequentes nos trajetos off-road;
  • Quadriciclos híbridos — como o próprio nome diz, essa é uma tentativa de mesclar as vantagens dos modelos utilitário e esportivo. Basicamente, você tem à disposição o torque dos utilitários somado à qualidade de suspensão dos esportivos.

Essas são as principais curiosidades sobre quadriciclos, esses veículos que conquistam um número cada vez maior de adeptos. Escolha o seu modelo favorito e prepare-se para a aventura!

Já tem um quadriciclo e deseja equipá-lo? Acesse a nossa loja virtual e confira toda a nossa linha de produtos especializada nessa incrível máquina!

Deixe uma resposta